CONTATO: +55 (19) 3846 1161 | +55 (19) 3846 9482

Projeto de salas limpas: 7 dicas para iniciar o seu com sucesso

Muitas dúvidas podem surgir quando a sua empresa precisa iniciar..

<h1>Projeto de salas limpas: 7 dicas para iniciar o seu com sucesso</h1>

Projeto de salas limpas: 7 dicas para iniciar o seu com sucesso

Muitas dúvidas podem surgir quando a sua empresa precisa iniciar um projeto de salas limpas. Você poderá pensar que não sabe por onde começar.  Para isso, primeiramente, é muito importante que você escolha a empresa que irá desenvolver e implantar o seu projeto de salas limpas. Certifique-se que esta empresa seja idônea,  possua excelência, qualidade e experiência comprovada para realizar o serviço.

E para que você tenha o seu projeto de salas limpas com o máximo de qualidade, segurança e inovação, montamos um guia com algumas respostas para as principais dúvidas que surgem durante o processo de implantação.

A Asmontec preparou 7 dicas que você deve considerar ao iniciar o projeto de salas limpas da sua empresa. São elas:

 

1) Conhecer e obedecer ao Sistema de Garantia e de Qualidade

Conhecer as normas BPF (Boas Práticas de Fabricação), como armazenamento, condições de instalações, embalagens, equipamentos, fabricação, manutenção e distribuição dos produtos. As normas BPF são um conjunto de normas que buscam padronizar e definir métodos e procedimentos de Controle de Qualidade. É uma ferramenta que preza por processos claros, evitando possíveis defeitos ou contaminação, garantido qualidade aos produtos. Conhecer e seguir essas normas garantirão um projeto de salas limpas de qualidade.

 

2) Levantamento das necessidades e objetivos do projeto

Ao iniciar um projeto de salas limpas é imprescindível realizar um estudo para entender quais são as necessidades e objetivos dele. Para isso, são realizadas reuniões e estudos, que no cronograma ocupam o espaço de vários meses – de acordo com sua complexidade.

Esta fase de um projeto de salas limpas possui várias etapas, desde o estudo da ideia, até a execução de um empreendimento completo. E um esquema é elaborado, para que seja possível medir o avanço do projeto e também da construção. Neste esquema, são contemplados: anteprojeto, projeto básico e projeto detalhado.

 

3) Desenvolvimento de um anteprojeto com informações técnicas, instalações e componentes

Anteprojeto

É a fase inicial de um projeto de salas limpas, onde são levantadas informações técnicas referentes a instalações e os componentes necessários para o desenvolvimento do projeto. Nesse momento uma estimativa aproximada de custos e prazos dos serviços da obra é realizada. Esse processo irá auxiliar os critérios que conduzem e orientam as melhores opções na implantação de um projeto de salas limpas.

Projeto Básico

Tem o objetivo de levantar as informações técnicas da obra necessárias e suficientes à licitação/contratação dos serviços necessários para a implantação de salas limpas.

Projeto Detalhado

É necessário entender os regulamentos do país, estado e município no qual o projeto de salas limpas será implantado e comercializado, tudo isso deve ser adequado às necessidades do usuário.

 

4) Planejamento do fluxo de pessoas, equipamentos e materiais

O que não pode faltar também é o detalhamento das atividades envolvidas em cada processo de um projeto de salas limpas. O planejamento de fluxos de pessoas, equipamentos e materiais é fundamental para que o projetista saiba planejar corredores necessários, separação de pessoas de materiais, fluxo de pessoas entrando e saindo e distinguir materiais novos dos usados.

 

5) Manutenção e limpeza da sala limpa

A melhor forma de garantir a facilidade de limpeza de suas salas limpas é adquirindo produtos que favoreçam a sua higienização. No caso de painéis e forros, busque por produtos que atendam as exigências construtivas de salas limpas. Recomendamos que você opte por modelos que possuam estrutura modular, isolamento termo acústico com preenchimento em poliuretano (PUR, PIR) lã mineral (lã de rocha), e superfície lisa, que impedem a liberação de partículas.  O acabamento deve ser em alto padrão, conforme as BPF, ou seja, liso, sem arestas e impermeável. Desta forma, você estará garantindo maior facilidade na limpeza de suas salas limpas.

 

6) Controle da contaminação das salas limpas

Controlar a entrada de contaminação de salas limpas ou ambientes classificados é primordial para manter a qualidade dos produtos e a integridade dos processos realizados. Podemos citar dois principais produtos capazes de exercer tal função nas áreas de processos produtivos de suas salas limpas.

São eles:

Caixa Pass Through em Aço AsmontecPassThrough

Projetado especialmente para impedir a transferência de partículas entre áreas de processos produtivos.

 

 

 

 

Air Shower para Salas Limpas AsmontecAir Shower

Antes de entrar no ambiente, o usuário ou produtos são obrigados a passar pelo Air Shower onde se submetem a um banho de ar, impedindo a transferência de particulados entre os ambientes.

 

 

 

7) Controle da temperatura e umidade do ar nas salas limpas

Para assegurar o bom funcionamento das salas limpas, garantindo que não haja contaminação por partículas presentes no ar, é necessário que seja realizado um rígido controle de temperatura e umidade do ar. Para tanto, é preciso considerar as especificações completas dos tipos de filtro de ar a serem utilizados, os níveis de diferença de pressão relativa que deve existir entre os ambientes, a quantidade e balanceamento de ar externo que deve ser insuflado, entre outros.

 

A Asmontec tem mais de 20 anos de experiência e tradição na construção e projeto de salas limpas, servindo com qualidade centenas de clientes principalmente nas indústrias farmacêutica, alimentícia, cosmética, veterinária e hospitalar.  Se você necessita de uma sala limpa ou de ambientes controlados entre em contato conosco!


Share This:

Newsletter

CONTATO Rua Anésio Marciano, 92 | Jd. Vista Alegre | Vinhedo | SP +55 (19) 3846 1161 | +55 (19) 3846 9482 asmontec@asmontec.com.br